Mensagens

A mostrar mensagens de 2017

5 atividades que me deixam confortável | ACMA

Imagem
Alô, dreamers! Como está a correr o vosso mês de novembro? O meu está a ser trabalhoso a nível escolar – daí eu não estar tão presente aqui no blogue – mas está a correr bem. Hoje trago-vos aqui mais uma participação no ACMA, que já vem sendo um projeto recorrente no blogue desde outubro de 2016 (já lá vem mais de um ano), e o tema do mês de novembro é conforto.
Numa altura em que o outono já chegou e que o frio também começa a apertar, conforto é palavra de ordem. Já só penso naquelas tardes chuvosas passadas no sofá, embrulhadinha numa manta dedicadas a procrastinar. Assim sendo, hoje vou trazer-vos uma pequena lista de cinco coisas que gosto de fazer e que me deixam bastante confortável - física e psicologicamente.
1.Ler um bom livro ou ver um bom filme debaixo da manta. Esta é uma daquelas coisas que sabe mesmo, mesmo bem nesta altura do ano. Sem dúvida que é a minha ideia de conforto, porque é uma imagem bastante acolhedora e apaziguadora. (E se querem um conselho de um bom film…

"O meu nome é Alice" | Review

Imagem
Olá, dreamers! Como estão?
Hoje não era suposto haver post porque eu tenho andado com poucas ideias e com pouco tempo, então não tinha nada planeado para partilhar convosco hoje. Contudo, por recomendação de uma amiga, estive a ver um filme que achei que tinha de partilhar convosco, porque é fantástico e merece todo o reconhecimento do mundo. Assim, venho hoje partilhar convosco a review de um dos melhores filmes que eu vi nos últimos tempos [a última review que fiz de um filme aqui no blogue foi sobre "A Bela e o Monstro", leram?]. Espero que gostem!
Ficha Técnica: Título:Still Alice (Pt: O meu nome é Alice) Elenco: Julianne Moore, Kate Bosworth, Shane McRae, Alec Baldwin Dirigido por: Richard Glatzer e Wash Westmoreland Género: Drama Duração: 1h39min Trailer
créditos Sinopse: "Aos 50 anos, Alice Howland é uma mulher realizada: tem um casamento feliz, os filhos crescidos e uma carreira prestigiante como professora universitária. Tudo lhe corre de feição até ao momento em que c…

#25

Imagem
25ªDica (12 a 18 de novembro de 2017) - Como controlar a queda de cabelo?
Olá, dreamers! Começo já este post por vos desejar um ótimo início de semana cheio de boas energias!
Agora passemos ao tema da dica desta semana: queda de cabelo. Eu não sei se sou a única, mas tenho sofrido imenso com este problema, contudo, e felizmente, tenho a sorte de ter imenso cabelo e super grosso, o que compensa a enorme queda.

Este problema, que atinge não só mulheres mas também muitos homens, pode ter diversas causas, entre elas desequilíbrio hormonal, má nutrição e até mesmo fatores psicológicos, como o stress e ansiedade. Há quem diga, igualmente, que as alturas da primavera e do outono (época em que nos encontramos) também são propícias à queda de cabelo, sendo normal que esta seja mais frequente e em maior quantidade nestas alturas.
Assim, e como eu própria sofro com este drama, decidi usar a maravilhosa coisa chamada Internet para procurar por algumas dicas caseiras para controlar (e reduzir) a …

"Abraço" - José Luís Peixoto

Imagem
Daqueles textinhos bons que se encontram e que nos fazem refletir sobre o país e a sociedade em que vivemos.
              Se te quiserem convencer de que é impossível, diz-lhes que impossível é ficares calado, impossível é não teres voz. Temos direito a viver. Acreditamos nessa certeza com todas as forças do nosso corpo e, mais ainda, com todas as forças da nossa vontade. Viver é um verbo enorme, longo. Acreditamos em todo o seu tamanho, não prescindimos de um único passo do seu/nosso caminho.
                Sabemos bem que é inútil resmungar contra o ecrã do telejornal. O vidro não responde. Por isso, temos outros planos. Temos voz, tantas vozes; temos rosto, tantos rostos. As ruas hão de receber-nos, serão pequenas para nós. Sabemos formar marés, correntes. Sabemos também que nunca nos foi oferecido nada. Cada conquista foi ganha milímetro a milímetro. Antes de estar à vista de toda a gente, prática e concreta, era sempre impossível, mas viver é acreditar. Temos direito à esperança.…

É tudo uma questão de amor próprio

Imagem
Hoje em dia, na nossa sociedade, uma das coisas mais comuns é o uso (e o abuso) de máscaras sociais. E o que são essas tal máscaras sociais? Máscaras sociais são as personagens que cada um de nós cria conforme os ambientes da nossa vida onde estamos.
Esta questão de fingirmos ser diferentes de quem realmente somos num determinado momento e ambiente da nossa vida não é algo mau, pelo menos, não totalmente. São as máscaras sociais que nos permitem integrarmo-nos, muitas vezes, e termos uma melhor adaptação social. São essas mesmas máscaras que nos permitem defender-nos de pessoas ou de situações que não nos agradam, que nos fazem sentir desconfortáveis. E, até aqui, parece tudo bem.
Contudo, como se diz popularmente, tudo o que é demais, enjoa. O uso destas “personagens” pelas pessoas não é benéfico, nem para as próprias nem para quem as rodeia. Pessoas que se habituam ao uso destas máscaras, criam alguém diferente de si próprios apenas para agradar aos outros e acabam por esquecer-s…

Dia 31: Irmandade de Bloggers | TAG

Imagem
Olá, dreamers!
Como forma de fechar este mês de outubro, em que tenho feito posts todos os dias, trago-vos a minha resposta a uma TAG para a qual já fui nomeada há algum tempo pela Cristiana Simões, do blogue A Rapariga de Roxo, para terminar este grande mês. Assim sendo, aqui vão as minhas respostas às perguntinhas dela.


1.3 razões para teres criado o blogue. Primeiro que tudo, o gosto pela escrita. Segundo, a necessidade de partilhar aquilo que escrevia e de me “fazer ouvir”. E, por fim, a vontade de transmitir algo aos outros.
2.Esperavas estar onde estás quando o criaste, inicialmente? Claramente, não! Para muitas pessoas, o patamar onde estou pode ainda ser “baixo”, mas para mim é mais do que suficiente e bem mais do que esperava. É, sem dúvida, muito gratificante ter pessoas a ler o que escrevo e a comentarem os meus posts com as suas opiniões sinceras.
3.Como chegaste ao meu blogue? Como sabes, eu já te conheço há alguns anos e seguia o teu Instagram pessoal, então foi por lá q…

Dia 30: uma coisa para a qual estás entusiasmada

Hum... Há muitas coisas que eu quero fazer, há muitas coisas para as quais eu estou super entusiasmada por fazer. Mas há uma coisa que eu quero muito, porque sei que vai ser uma experiência totalmente nova e desafiante para mim e porque sei que vai dar início a uma fase muito importante da minha vida.
Querem saber pelo que é que eu estou ansiosa e entusiasmada? Pela faculdade. 
Sim, eu sei que isto pode parecer estranho, porque a Faculdade implica estudar ainda mais e grandes responsabilidades e implica decidir o que quero fazer do meu futuro, mas eu estou mesmo ansiosa por tudo isso. Acho que esse passo me vai fazer sentir como a adulta que quero ser, com um pouco mais de independência, de responsabilidade e de tudo o quer "crescida" implica.
Quero mesmo fazer coisas de que realmente goste, conhecer pessoas novas, experienciar coisas novas e desafiar-me a mim própria.
E vocês, o que é que querem muito que faz e por que é que estão mesmo entusiasmados?
{Para encontrarem as i…

Dia 29: imagens/fotografias que te façam feliz

Imagem
Alô!
Sim, eu sei que o post vem outra vez fora de horas mas hoje há uma melhor justificação do que falta de tempo - okay, talvez não seja uma melhor justificação, mas pelo menos é diferente. Então, é o seguinte: quando eu olhei para o que era suposto fazer no dia de hoje, eu fiquei meio sem saber o que fazer. Pensei em mostrar-vos imagens de coisas que eu gostasse ou com que me identificasse, frases e etc mas achei que seria muito mais giro e pessoal eu ir até às minhas fotografias e escolher algumas que me tragam memórias felizes e que sejam de coisas das quais eu gosto. Que vos parece?
Assim sendo, após cada uma das fotografias que vou partilhar convosco, eu vou explicar o que há de especial para mim em cada uma delas, para que vocês possam perceber o porquê de terem sido selecionadas para estar no conjunto de fotos que me fazem feliz. Espero que gostem!
Esta é uma foto relativa a um projeto de que já falei durante este desafio - as Escolíadas - e relativa à edição deste ano letivo…

Dia 28: um sítio para onde te gostarias de mudar ou que gostarias de visitar

Imagem
Adoro viajar e acho que já mencionei isso aqui no blogue algumas vezes. Acho mesmo que viajar é das melhores maneiras que temos de nos tornarmos pessoas mais cultas e só acho que é uma pena que não seja algo que esteja ao alcance de toda a gente.
Desde muito nova que houve sempre uma cidade que teve um lugar muito especial no meu coração e na qual eu sempre disse que iria adorar viver. Essa cidade é Nova Iorque, a cidade que nunca dorme. E porquê este meu fascínio e esta minha vontade de visitar ou viver em Nova Iorque?
créditos
Eu sou uma pessoa do campo, que cresceu no meio da Terra com os avós, apesar de viver a quinze minutos do centro da cidade. Acho que é por isso que sonho viver numa cidade como Nova Iorque, em que tudo é confusão e agitação e pessoas de um lado para o outro. Acho mesmo que Nova Iorque é uma cidade super interessante e que iria ser uma boa experiência viver lá - não só seria uma importante experiência a nível pessoal, pois eu poderia testar-me enquanto pessoa inde…

Dia 27: uma citação pela qual te tentas reger

Imagem
Na minha opinião, não desistir é o maior dom que cada um de nós pode ter, porque desistir é sempre o caminho mais fácil e a magia acontece quando nós decidimos ir pelo caminho mais sinuoso!
{Para encontrarem as informações sobre este desafio e o primeiro post basta clicarem aqui. Ah, e já sabem que para irem acompanhando as novidades todas basta seguirem o Instagram do blogue.}

Dia 26: coisas que gostas e que não gostas em ti

Imagem
Acho que este desafio a que me propus tem sido uma ótima ferramenta para que vocês, leitores, me possam conhecer melhor. O post de hoje é mais um exemplo disso, já que vou enumerar para vocês algumas daquelas coisas que gosto/adoro em mim e outras daquelas que não gosto/detesto. 
Eu não sou perfeita - tal como todos os comuns mortais - e por isso tenho qualidades e defeitos, tenho coisas que gosto no meu corpo e na minha personalidade e coisas de que não gosto. Acho que isso é normal e aprendermos a amar-mo-nos também implica aprendermos a aceitar todas essas coisas. Assim sendo, vou passar a partilhar convosco algumas das coisinhas que mais gosto e que menos gosto e mim. Sintam-se à vontade para partilharem comigo também o que mais gostam e o que menos gostam em vocês. 

Coisas que gosto em mim: - Os meus olhos (gosto da cor estranha que têm, entre o castanho e o verde) - O meu cabelo (é um cabelo perfeitamente normal, mas eu gosto imenso) - O sinal debaixo do meu olho esquerdo - O me…

Dia 25: algo com que estejas preocupado neste momento

Olá! O post de hoje vem em jeito de desabafo, mas espero que gostem.
Hoje é um ótimo dia para responder a este tópico, porque foi um daqueles dias em que passei a tarde inteira a estudar e em que senti que pouco rendeu. Ando super preocupada com os estudos porque não me estou a sair bem a Matemática, estou com imensas dúvidas na matéria e acabo sempre super frustrada porque não consigo fazer as coisas bem. Eu sei que as nossas maiores barreiras estão na nossa mente e sei perfeitamente que estar tão preocupada com isto, quase em pânico, só torna tudo pior, mas é incontrolável. 
Já passaram por algo semelhante? O que me aconselham a fazer?
{Para encontrarem as informações sobre este desafio e o primeiro post basta clicarem aqui. Ah, e já sabem que para irem acompanhando as novidades todas basta seguirem o Instagram do blogue.}

Dia 24: 5 expressões que te façam rir

Alô!
O post de hoje vai ser curtinho e simples porque falta tempo e imaginação, mas espero que gostem de qualquer das formas. Aproveitem e partilhem comigo também palavras ou expressões que vos façam rir.
1. Dá-me um abalo ao pífaro que até me estremece a gaita. - esta é uma daquelas expressões que a minha mãe diz e que eu não sei bem o quer dizer, só sei que acho um piadão!
2. Pôr as barbas de molho. - esta expressão eu descobri durante a pesquisa que fiz para este post e achei super engraçada. Para quem não sabe, significa estar desconfiado.
3. Vou ali arriar o calhau
4. Baixa a bolinha que o guarda-redes é anão
5. Esticar o pernil.

É nestas alturas que eu adoro ser portuguesa! 
{Para encontrarem as informações sobre este desafio e o primeiro post basta clicarem aqui. Ah, e já sabem que para irem acompanhando as novidades todas basta seguirem o Instagram do blogue.}

Dia 23: algo de que sintas falta

Imagem
Costumo dizer que sou portuguesa de gema só pela quantidade de saudosismo e nostalgia que cabe dentro de mim. No meio de toda a lamechisse e do monte de sentimentos que existem dentro de mim - sou uma pessoa bastante sensível - há um espaço muito grande para a saudade e para todas aquelas coisinhas de que sinto falta. E, por vezes, são mesmo coisinhas, pequenos pormenores que num dado momento me fizeram sentir muito feliz e que agora me deixam nostálgica - nem sempre significa que queira voltar àquele momento, às vezes é apenas a vontade de reviver aquele sentimento. Contudo, há outras coisas que ocupam um grande lugar nesse compartimento da saudade e que eu reviveria se pudesse. 
adaptado
Algo de que eu realmente sinto muita falta é dos meus tempos no 9ºano - não é que isso vá muito longe (pouco mais de 3 anos), mas vocês já vão perceber porque é que eu queria voltar no tempo e regressar a esse fantástico ano. 
Não foi um ano incrível no seu pleno: como todos os anos, teve altos e ba…

Dia 22: as tuas notas

Bem, começo este post por dizer que não sei se esta é a tradução correta para o tópico do dia de hoje, mas segundo me informei com pessoas mais entendidas que eu em inglês, esta parece ser a tradução mais correta para o caso. Assim sendo, o post de hoje será uma reflexão da minha parte acerca dos meus resultados escolares.
Desde pequena que sempre fui boa aluna, não só porque gosto de estudar mas também porque sempre tive bem presente a noção de que é preciso trabalharmos para chegarmos a algum lado e para concretizarmos os nossos sonhos/alcançarmos os nossos objetivos. Contudo, depois de entrarmos no secundário, percebemos que só nessa fase é que realmente importam os nossos resultados escolares.
Agora que estou no 12ºano, acho que é uma boa altura para fazer uma introspeção e devo concluir que, apesar de eu ser demasiado perfecionista e de ser muito exigente comigo própria, os meus resultados têm sido muito bons. Obviamente, como boa autocrítica que sou, acho que poderiam ser melho…

Dia 21: o que é que esperas do teu futuro

Imagem
No mês passado, no âmbito do ACMA, já falei um pouquinho sobre o futuro neste post do blogue, mas hoje falarei, de novo, um pouquinho sobre o assunto e sobre o que espero do meu futuro.

Ora bem, o futuro é toda uma coisa extremamente complexa e vaga, sobre a qual nós não sabemos muito, mas podemos sempre planear aquilo que queremos fazer. Apesar de eu ser daquelas pessoas que não gosta de pensar demasiado à frente e de planear demasiado o futuro, porque a vida dá muitas voltas e os nossos planos podem sair furados, eu tenho sempre uma ideia daquilo que quero do meu futuro e é isso que hoje vos venho relevar.
A médio prazo, eu espero que o meu futuro me reserve uma entrada na faculdade, num curso que me satisfaça e que me faça sentir feliz e realizada. Espero crescer enquanto pessoa e cidadã, conhecer novas pessoas e novos sítios. Quero continuar a cultivar-me enquanto pessoa e quero ter tantas novas experiências quanto puder. Quero, acima de tudo, ser feliz - seja lá o que isso for. 
E v…